Campinas

(19) 3281-0922

(19) 99600-8565

São José dos Campos

(12) 3903-9400

(12) 98110-0665

Sorocaba

(15) 3218-2614

(15) 3218-2614

Taubaté

(12) 3682-1717

(12) 3682-1717

Vale do Paraíba
(12) 98110-0665

Região Campinas / Sorocaba
(19) 99600-8565

A questão da documentação tem extrema importância para que o transporte ocorra. Torna-se ainda mais relevante quando se considera em segurança, confiabilidade e custos.

O transporte de cargas vem adquirindo cada vez mais importância em nossas operações no dia a dia. O início foi há, aproximadamente, 30 anos atrás. Com a compra de guindastes de de maior porte e das plataformas elevatórias, surgiu também a necessidade de montarmos a frota de caminhões, cargas secas e pranchas. A razão era bem simples: para operar com maior confiabilidade e controle de custos, passamos a carregar os acessórios de movimentação de carga - contra pesos - e a transportar as plataformas elevatórias até o local de trabalho.

E de lá pra cá, nossa frota de transporte cresceu, tornando-se um ponto chave de sucesso na otimização de nossas operações e ganhou status de prestação de serviços autônoma.

E se você tiver que contratar o transporte de uma máquina de grande porte e peso, digamos, do porto de Santos até a sua unidade fabril, localizada em Taubaté? Como providenciará o içamento da máquina, carregamento em carreta ou prancha e depois o descarregamento, no local de destino? E a questão torna-se ainda mais relevante quando se considera em segurança, confiabilidade e custos.

Começamos com as informações de peso e dimensões, para definirmos o tipo ideal de equipamento. Em nosso exemplo, se a máquina couber na chamada caixa de carga, ou seja, menor que 2,60 metros de largura e/ou altura total menor que 4,40 metros - o equipamento a ser usado é a carga seca. O limite de peso é definido pela quantidade de eixos: aqui na Cunzolo, temos cargas secas de 2 eixos, 3 eixos, a carga seca longa e a extensiva. Esses equipamentos podem rodar 24 horas, sete dias da semana, desde que respeitadas as dimensões e o peso.

Voltando ao transporte da máquina: se tiver dimensões maiores, digamos, 3,00 metros de largura, então o equipamento correto é a prancha. Esses equipamentos já são desenhados para o transporte de cargas excedentes e aqui na Cunzolo temos pranchas a partir de 2,80 metros de largura. A diferença é que para as pranchas rodarem nas estradas estaduais é preciso obter permissões de rodagem prévias. Mantemos as permissões de rodagem pagas anualmente, especialmente no estado de São Paulo. E se houver necessidade de transitar em rodovia estadual no Rio de Janeiro ou Paraná, nossa equipe de logística providenciará as licenças pertinentes de forma que o transporte ocorra normalmente.

Bem, uma vez definido o equipamento correto, resta realizar o seguro da carga, tão importante quanto o próprio transporte. E essa é uma tarefa da nossa equipe comercial, que fará o orçamento de toda a operação descrita acima, incluindo também o seguro. Ao realizarmos todo o fluxo da operação, desde a carga com guindaste, transporte e descarga, conseguimos otimizar o tempo e assegurar que essas etapas ocorram dentro do planejado.

Entre em contato com nossa equipe comercial para receber uma proposta completa de movimentação de carga. E se tiver alguma dúvida com relação ao transporte, procure o Eduardo Silva que ofereceu todas as informações descritas aqui.

Abraços da equipe Cunzolo!

EduardoSilva é colaborador da Cunzolo há 4 anos e meio. Casado e com duas filhas, divide seu amor por guindastes e fotografia. As fotos que ilustram o post foram feitas por ele!

Entre em contato conosco